28 de abr de 2011

Sugestão para o Dia das Mães

Artigos úteis e de bom gosto são cuidadosamente confeccionados por artesãs das Comunidades de Areias e Abrantes.

Colchas, almofadas, portas-jóias, sapateiras, galinha chá, kit SOS cozinha são artigos feitos com retalhos de tecidos e integram a exposição que acontece amanhã, 29, na sede da Concessionária Litoral Norte (CLN), na BA-099. Para Juçara Freire, Assistente Social da CLN, “a realização do evento, dentro da Concessionária, é uma forma que a empresa tem de valorizar e apoiar o artesanato produzido pelas comunidades que vivem no entorno do pedágio. Os produtos são todos confeccionados pelas mãos das artesãs que fazem parte da Oficina de Retalhos do Instituto Social Preamar, uma Ong que foi fundada em 2001 e tem como objetivo capacitar profissionalmente e propiciar renda para as mulheres da comunidade de Areias e Abrantes.
Além de rentabilidade, já que cada artesã ganha em média um salário mínimo, a Ong promove a possibilidade da artesã trabalhar na sua residência, enfatiza Sandra Maciel, Presidente da Ong que já possui uma marca, a Full Chic. ”As artesãs passam no Instituto recolhem a matéria-prima, retalhos de tecidos, e desenvolvem seu trabalho a vontade, sem precisar descuidar dos filhos.

Sobre a Ong Preamar

O Instituto Social Preamar foi fundado por um grupo de moradoras do Condomínio de Interlagos com o objetivo de promover a produção de artesanato, capacitação profissional e cidadania para mulheres, jovens e adultos  que residem nas comunidades de Areias e Abrantes. Atualmente 17 artesãs fazem parte da Oficina de Retalhos que já possui uma marca patenteada, a Full Chic. A criação e exploração da marca é resultado da capacidade de organização das artesãs que participaram de um curso de reutilização de retalhos com técnicas de fuxico e amarradinho. O curso teve o  objetivo de  propiciar a confecção de almofadas, colchas, tapetes, até grinalda de fuxico e, hoje, a marca diversificou-se e agrega outros produtos que fazem parte do seu portfólio. O grupo de artesãs conta com o trabalho especializado da instrutora e designer formada pela UNEB, Arlene Costa. “Eu crio as peças conforme as demandas dos nossos clientes, mas também conto com a participação das artesãs porque os pedidos são muitos especiais e devem ser cuidadosamente preparados, enfatiza a designer”.

Para adquirir os produtos, pessoas físicas e jurídicas, podem manter contato com a Ong que funciona na Rua Augusto Alcântara, 350 - Areias, ou pelo telefone: 9120 7177.

Nenhum comentário: